(Implante silicone, silicone seios, cirurgia silicone, mastopexia, correção cirúrgica das mamas caídas, plástica mamária, elevação ou levantamento das mamas)

Descrição:

A perda de elasticidade da pele, a gravidade e outros fatores, tais como perda de peso, gravidez e aleitamento, podem afetar a forma e a firmeza dos seios. Pacientes que estão geralmente satisfeitos com o tamanho dos seus seios podem estar muito insatisfeitos com a posição dos mesmos no tórax. Alguns pacientes podem estar infelizes pois perderam uma quantidade significativa de volume da mama ao longo do tempo e devido a isso a presentam as mamas ptosadas. Nestes casos, os implantes inseridos em conjunto com a mastopexia aumentam o tamanho do peito, e ao mesmo tempo dão forma e posição as mamas.

Técnicas cirúrgicas:

Fatores individuais e preferências pessoais vão determinar a técnica específica selecionada para levantar os seios.

Incisões que acompanham o contorno natural da mama são utilizadas para elevar o complexo aréolo mamilar a sua nova localização.

Um método comum de levantar os seios envolve três incisões. Uma incisão é feita ao redor da aréola. Outra corre verticalmente a partir da borda inferior da aréola para o sulco embaixo do peito. A terceira incisão é horizontal abaixo do peito e segue a curva natural do sulco da mama.

Após o cirurgião plástico ter removido o excesso de pele da mama, o mamilo e aréola são deslocados para uma posição superior. A aréola pode ser reduzida em tamanho. A pele que estava localizada acima do mamilo é trazida para baixo e, todo esse tecido junto irá ser utilizado para remodelar a mama.

Os mamilos e auréolas vão permanecer juntos aos tecidos subjacentes, e isso geralmente garante a preservação da sensibilidade e da capacidade de amamentar.

Duração:

Essa cirurgia é realizada sob anestesia geral ou bloqueio peridural e o tempo para sua realização é de aproximadamente 2 horas e meia.

Efeitos colaterais:

Após a elevação das mamas, os seios, por vezes, podem não ficar perfeitamente simétrico ou a altura do mamilo pode variar ligeiramente. Pequenos ajustes podem ser feitos muitas vezes em um momento posterior. Perda permanente da sensação nos mamilos ou áreas da pele da mama pode ocorrer raramente.

Retoques cirúrgicos podem ser indicados para corrigirem cicatrizes inestéticas.

Recuperação e cuidados pós operatórios:

Após a cirurgia de elevação das mamas, muitas vezes é possível retornar ao trabalho dentro de duas semanas ou mais, dependendo do seu trabalho. Em muitos casos, pode retomar a maioria de suas atividades normais, inclusive algum tipo de exercício leve, depois de três semanas. Você pode continuar a sentir algum desconforto, leve durante este tempo, mas essas sensações são normais. Dor intensa deve ser relatada ao seu médico.

Qualquer atividade sexual deve ser evitada por um período mínimo de uma ou duas semanas, e seu cirurgião plástico poderá aconselhá-lo a esperar mais tempo. Depois disso, deve-se ter o cuidado de ser extremamente gentil com seus seios.

Riscos:

Algumas das complicações potenciais que podem ser discutidos com você incluem sangramento, infecção e reações à anestesia.

Resultados:

A cirurgia de lifting de peito deixará seus seios mais firmes e mais elevados. A posição da sua aréola e mamilo será reformulada, e o tamanho das suas aréolas vão ser esteticamente mais agradáveis.

As incisões de sua cirurgia de elevação do peito vão esmaecer longo do tempo. É importante saber, entretanto, que as linhas de incisão serão sempre visíveis. Em alguns casos, elas acabarão por ser apenas linhas ténues. Certos indivíduos podem ter cicatrizes mais visíveis e até cicatrizes patológicas. Felizmente, as incisões para mastopexia estão em locais facilmente escondidas pelo vestuário.