pós-operatório na lipoesculturaAs cirurgias plásticas trazem um efeito estético e corretivo que elevam a autoestima de qualquer pessoa, não é mesmo? Mas além dos cuidados pré-operatórios como realização de exames, histórico médico do paciente, etc; também é necessário seguir uma série de recomendações médicas para ter uma recuperação completa após a cirurgia. Hoje, vamos falar sobre como é a recuperação após a lipoescultura.

Sabemos que a lipoescultura inclui a lipoaspiração de gordura de determinadas áreas do corpo como o abdômen, onde geralmente se concentra o excesso, e enxerto em outras partes como rosto e nádegas.

Mas após a cirurgia, é normal haver inchaços e edemas, causados pelo procedimento e que geralmente indicam que seu corpo está se recuperando. Mas você não vai sair do hospital, fazendo tudo o que fazia anteriormente. É preciso dar um tempo para o corpo se recuperar e para que a cicatrização ocorra, ou seja, dê o repouso e os cuidados que seu organismo precisa para te colocar em dia e com os efeitos esperado pela cirurgia.

Cuidados

Vejamos, no caso da lipoescultura, não há risco de rejeição com o enxerto realizado em outras áreas do corpo, pois o material foi retirado do próprio corpo.

Mas apesar disso é preciso tomar cuidados, entre eles, repouso. Nos primeiros dias após a cirurgia, você deve descansar, mas é importante caminhar pela casa, pois isso ajuda na circulação do sangue, evitando uma trombose venosa profunda.

Não tome aspirina ou certos medicamentos anti-inflamatórios. Também é recomendado o uso de cinta. Se ela estiver muito apertada você deve notificar imediatamente o médico.

Durante as primeiras 48 horas após a cirurgia, os pacientes experimentam diversos graus de edema e hematomas. O inchaço pode persistir por mais tempo. Equimoses geralmente desaparecem dentro de sete a dez dias. Os pontos são normalmente removidos dentro de uma semana da cirurgia.

Esforço, deve ser evitado durante o período pós-operatório imediato. Em muitos casos, você será capaz de retomar a maioria de suas atividades normais dentro de dez dias ou menos. Nos casos de lipoescultura deve-se tomar cuidado para não exercer pressão sobre as áreas enxertadas pois isso determina maior absorção dos enxertos.
Entenda a cirurgia

A cirurgia de lipoescultura pode ser feita tanto em homens quanto em mulheres e é indicada para o tratamento de áreas com excesso de gordura na barriga, nádegas, quadris, flancos, culotes, face interna das coxas, mamas (peito masculino), costas, face e braços e o enxerto de parte da gordura retirada em locais que necessitam de aumento de volume.

O paciente deve estar próximo ao seu peso ideal. A anestesia pode ser geral ou a peridural, dependendo da área que será aspirada.

Primeiro, o médico fará a lipoaspiração da gordura, por meio das cânulas que são inseridas no corpo. Depois de retirada, essa gordura passa por uma espécie de tratamento com a retirada de células de gorduras rompidas, sangue e anestésico.

Após ser tratada, a gordura é injetada com finas seringas nos locais desejados pelo paciente. Os locais onde mais ocorrem enxerto são glúteos, mãos e rosto. O enxerto é feito com seringas.

Filed under: Lipoescultura